sexta-feira, 6 de março de 2015

Brigada prende foragido do sistema prisional

Sexta-feira-06 de março
Ao fazer o patrulhamento de rotina, policiais prenderam o traficante
Eram 22:30 quando a guarnição de serviço da Brigada Militar realizava um patrulhamento de rotina na Rua Jornaleiro Rural, próximo à Associação Atlética Banco Banco do Brasil (AABB), os policiais flagraram um indivíduo em atitude suspeita falando ao celular.

A abordagem padrão e a posterior identificação foram feitas e, com isso, ao consultar o sistema, descobriu-se rapidamente que Claiton Renato Aver Goularte, 43 anos, natural de Canguçu, era um foragido do sistema penal.

Sua condenação é por tráfico internacional de drogas, assim, ele após exame de corpo e delito foi encaminhado ao Presídio Regional de Canguçu.

A informação de que um indivíduo com esse nível de periculosidade já era de conhecimento dos investigadores da Polícia Civil que investigava para tentar chegar ao traficante.
Foto: Joseane Duarte

quinta-feira, 5 de março de 2015

Quadrilha assalta Sicredi e queima veículo na fuga

Quinta-feira- 05 de março
Veícuolo usado no assalto foi queimado na ERS 702
Devido ao silêncio da Polícia Civil que, por ainda estar fazendo o levantamento  no interior da agência não possibilitou a obtenção de informações concretas sobre o assalto à Cooperativa Sicredi localizada na Avenida Maurício Cardoso no inicio desta tarde, nossa reportagem fez um trabalho de coleta de dados junto à pessoas que presenciaram parte do mesmo.

Pelas marcas possíveis de serem visualizadas através da porta de vidro que integra a fachada, um grande pedra foi usada pelos ladrões para quebrar parte da porta giratória e com isso ter acesso ao interior do banco.

Segundo um comerciante que atua quase ao lado da agência e que foi o responsável por acionar a Brigada Militar, três homens, usando pistolas e também armamento pesado, saíram do local por volta das 14h.
- Ouvi os tiros e sai na porta para ver o que era. Quando ví eles de arma em punho procurei me esconder - resumiu.

Para tentar prejudicar uma possível perseguição policial, os bandidos que estavam dividos em uma picape de cor branca e em uma Ecosport vermelha, espalharam os chamados “miguelitos” pelo asfalto. São peças feitas em aço e pontiaguadas que servem para furar os pneus.

Dezenas dessas peças  foram recolhidas por um morador da ERS 702 usada como rota de fuga inicial. Elas foram entregues aos agentes da Polícia Civil.

Na localidade Azenha, distante quatro quilômetros  do perímetro urbano, a Ecosport foi incendiada, obviamente com o objetivo de apagar pistas da ação.

Informações extra-oficiais dão conta de que a quadrilha obteve êxito ao conseguir levar uma quantia em dinheiro e um leve ferimento na face do guarda pode significar que ele foi agredido.
O Sicredi é a única das agencias bancárias da cidade que possui um sistema de vigilância interno e externo, isso significa que toda a ação, a princípio, ficou registrada e isso irá colaborar na investigação policial.

Ainda hoje, novas informações sobre o caso.

quarta-feira, 4 de março de 2015

Empresária procura ex marido que pode estar em Piratini

Quarta-feira-04 de março
A empresária proprietária de um salão de beleza em Canguçu, Sandra Rosa Gonçalves Rodrigues, 47 anos, recorreu à imprensa para tentar encontrar o ex- marido, Luiz Fernando Tavares dos Santos, 52 Anos, com quem foi casada por dez anos e por quem procura há um ano e nove meses.

Sandra tem como últimas informações, de que ele trabalha em uma propriedade rural de Piratini, mas, depois de uma busca frustrada e informações confusas, desistiu momentaneamente de procurar.

Ela assegura que a necessidade de encontra-lo é devido aos diversos problemas de saúde apresentado pelo filho de 14 anos, o que em sua opinião, está associado à falta de notícias do pai.
- Nosso filho esteve hospitalizado duas vezes, uma delas, já em uma sala de cirurgia, mas, não passou por nenhum procedimento devido a divergências encontradas nos exames. Os médicos não conseguem descobrir o que ele tem- conta a mãe.

Segundo Sandra, o sumiço do pai afetou até mesmo os estudos do filho, oportunizando que ele fosse reprovado na 8ª série e com isso decidisse parar de estudar.
-Sofro muito ao ver meu filho sofrer pela falta do pai. Ele se fecha, não desabafa, está com depressão e não aceita sair do quarto – relata.

Como pistas do paradeiro, ela diz que ouviu de amigos que Luiz Fernando estaria morando  no interior do município, denominada Barrocão, 4º distrito do município. Ocorre que associada a esta informação, Sandra ficou sabendo que haveria duas localidades com o mesmo nome, o que dificulta a busca pelo ex- marido.

- Seria um sonho reunir nossa família outra vez, mas, sabendo que isso talvez não seja mais possível, ao menos gostaria que ele reaparecesse para voltar a conviver com o filho- encerra.

terça-feira, 3 de março de 2015

Crise:madrugada na fila para garantir gasolina

Terça-feira-03 de março
Pouco mais de duas horas após a chegada do produto, restava apenas óleo diesel
O cenário é atípico que idêntico tanto às metrópoles quanto pequenas cidades do interior, todos, aguardando até oito horas numa fila para garantir ao menos 100 reais do produto no tanque do carro, limite colocado pela empresa.

Assim foi o fim da tarde da segunda-feira e parte da madrugada de terça, 03, em um posto de combustíveis localizado no entroncamento das principais avenidas de Piratini.

Às 18h o caminhão tanque que conseguiu abastecer em Bagé, chegou à cidade, mas, já antes disso, motoristas desorientados tentavam organizar uma fila que precisou da interferência da Brigada Militar já que estava atrapalhando o trânsito, e da distribuição de fichas através do proprietário da abastecedora Kérlon Farias que davam direito a por R$ 100.00 por carro.

Cinco horas depois, já às 23hs, a extensão da espera atingia 300 metros e só teve fim às 02hs da manhã.
Na outra empresa do mesmo grupo situada na outra extremidade da cidade, depois de sete dias esperando a formação de um comboio e a escolta da polícia, mais dez mil litros do produto chegaram para amenizar a grave situação.

Novamente a formação de filas imensas, mas, não de grande espera já que o estoque recém chegado terminou em pouco mais de duas horas restando apenas óleo diesel.

- Recebemos dez mil litros de gasolina comum, cinco pra este posto e os demais para a filial de Pelotas. Também três mil litros de diesel S10 e mais três de diesel comum– informou a empresária Karina Farias que não tem perspectiva de uma nova carga.

- A situação é extremamente delicada. Trabalhamos com 30 mil litros por dia e já há uma semana nos encontramos nesta situação. Ainda não paramos para contabilizar o prejuízo – amplia Karina.

Assim que concluiu o depósito dos combustíveis nos tanques, novamente o caminhão retornou à estrada para tentar abastecer outra vez e ainda torcer para fazer parte de uma nova formação de comboio.
Quando ao gás de cozinha, ela acredita e espera que uma carga prometida para amanhã consiga passar pelos bloqueios e com isso reabastecer o estoque.


segunda-feira, 2 de março de 2015

Artesianos:contrato de dois milhões é assinado

Segunda-feira-02 de março

Foi assinado na segunda-feira, 02, pelo prefeito Vilso Gomes no gabinete da Prefeitura Municipal de Piratini, O termo de contrato entre o município e a empresa J.R. Pereira e CIA Ltda., para execução de serviços de abastecimento de água no município de Piratini.

Com esta contratação para execução de serviços de abastecimento de água através dos programas Funasa TC/PAC nº 0951/2007 e TC/PAC nº 0149/2012, a prefeitura conseguirá atender os assentamentos existentes nas localidades da ferraria, Fortaleza, Rubira, Nova Sociedade e Santo Antônio.

Serão 2.785.711,05 (dois milhões, setecentos e oitenta mil , setecentos e onze reais e cinco centavos) destinados a confecção de poços artesianos nestes locais, o que irá garantir total abastecimento as famílias que integram estas comunidades.

“Mesmo sabendo que nosso município não se encontra em um momento de necessidade, ao contrário de cidades como a grande São Paulo por exemplo, que vive um caos na atual situação de nosso país no que se referem às necessidades de abastecimento, mesmo assim é fundamental que estejamos atentos e completamente envolvidos com este assunto – observa e prefeito Vilso Gomes.

 Com as informações:Assessoria de Imprensa